Pensamentos de um #adobe & #flash lover!

Pensamentos de um #adobe & #flash lover!

Bom… antes de começar, acabo já por informar que o que vou expressar não é nada mais que a minha opinião, e desafio a quem não concordar que deixe os seus pensamentos…

Este post têm por objetivo falar um pouco da novela que têm andado por aí que começou com o ponto 3.3.1 dos Termos de Utilização do SKD para construção de aplicações para o iphone.

Este ponto veio literalmente acabar com os desenvolvedores que utilizavam algumas ferramentas intermédias para criar aplicações para o iphone, onde se encontra o iphone packager que à algum tempo foi disponibilizado para o flash cs5. Ora, esta alteração dos TOS pouco sai da linha de produtos da Apple, singulares, com prestigio, ótima qualidade e “Só compra quem quer”, e é nesta ultima que me quer aprofundar. Vou deixar alguns links que me chamaram a atenção ao longo deste artigo… recomendo vivamente a leitura…

Claramente esta atitude da apple tende a agarrar mais desenvolvedores à sua plataforma, mas também acabar com muitas das aplicações da Store e principalmente afectar muitas empresas que estavam ou estão a desenvolver para a plataforma usando linguagens diferentes e compilando-as para o iphone. Além do impacto financeiro negativo, tende ainda a isolar mais a plataforma e a simplesmente passar ao lado de muitos desenvolvedores “mobile”. Se eu posso ter uma aplicação em flash que pode ser lida com conteudo mobile (brevemente, android), web, desktop sem grandes alterações porque devo eu perder tempo e investimento numa plataforma isolada? Ou será que com o SKD do iphone podemos criar aplicações para web, desktop, e outros dispositivos mobile?!? Hum… bem me parecia…

Os custos para o meio empresarial não terminam aqui, o desenvolvimento para iphone vão ser muito mais elevados, com a sorte as empresas que desenvolvem para iphone, o desenvolvimento será “exclusivo” para uma unica plataforma. Os custos de investimento nas plataformas mobile serão muito mais elevados. Se eu quero um aplicação para mobile, terei então que recorrer a um projeto “iPhone” pagando todos os custos de raiz, e recorrer a outro projeto para outras plataformas voltando a pagar os mesmos custos para uma unica aplicação, ora.. isto aos olhos da Apple são coisas perfeitamente faceis de evitar, migrem o seu código para HTML5, plataformas abertas…à despesa. A solução disto tudo parece ser mesmo optar por aplicações online no caso de meios empresariais, já que (ao menos isso) a Apple parece apostar no html5.

Tudo isto em pouco afetou a Adobe, visto que além de reduzir os custos com novas versões do iphone packager, criou uma elegante e suave maneira de colocar o seu conteudo no iphone, usando o HTML5, com uma simples ferramenta para exportar o flash para HTML5 / Canvas.

Mesmo assim, grandes defensores e utilizadores da marca estão a abandona-la, o iphone está a deixar de ser “obrigatório” para os mercados e operadoras móveis, visto estarem a aparecer cada vez mais soluções capazes de ultrapassar em muito o iphone e a preços mais acessiveis.

Passemos à guerra anti-flash….

Achei engraçado algumas criticascomparações e para acabei mesmo na risada com artigo do Steve J. onde claramente começa por evidenciar que a Apple não quer saber da Adobe para nada, literalmente fala que sem a apple a adobe nao existia… engraçado… depois pega numa conversa comparativa da qual se tiram facilmente muitas conclusões, mas a pior de todos á que o seu acessor de imprensa (que provavelmente escrever o artigo) não fez os trabalhos de casa, disparando uma duzia de asneiras, mas claramente reforçando a sua posição Anti-Flash.

Não uso mac, não tenho iphone, nao tenho nem sequer um leitor de mp3 da apple… e agora, não pretendo sequer nem isso. A qualidade é obvia, mas obvia também é a vontada da apple se tornar numa joia, onde apenas os “ricos” e muitos “apple-geeks” se movimentam. Faço tudo e muito mais num PC do que em qualquer MAC, tenho o nexus one, brevemente com flash para me proporcionar a verdadeira experiencia “full web” e ainda vou criar uma aplicação (para web, mobile e desktop) um tetris de “blue legos” feito em flash sem qualquer necessidade de alterar código, alterar de plataforma ou re-inventar a roda estudando novas linguagens. Claramente existem grandes desenvolvedores a trabalhar com MAC, grandes Grafistas e grandes “Senhores”, não só pelos seu ecrãs “xpto” mas também por uma, nem sempre verdadeira, mais rápida forma de trabalhar. Embora nem sempre concorde, mas claramente que os respeito, tal como respeito todos os que usam  MAC, iphone, ipad’s, etc’s pelas mais complexas, simples ou duvidáveis razões…

Apple está quase como o mito dos tão conhecidos mini’s, ou se gosta ou não se gosta!

Claramente a adobe se virou para o mercado mobile, ignorando lliteralmente a provocação, não só unindo-se à Google, mas sim apontar os seus olhos para a plataforma android que está a ganhar cada vez mais força face ao Iphone OS, lider de mercado “web” mobile, que começa a perder caminho num dos maiores mercados muniais, os states! (US).

Com o recente anuncio e confirmação do lançamento do Flash 10.1 para Android, e com a futura inserção do Flash no Android OS 2.2, muitos milhões vão finalmente tirar partido da web como deve ser!

Isto será uma grande mudança, não só para o mercado móvel, mas para o domestico já que se anunciam televisões com Android OS.

Humm… ver um live stream em HD na televisão da sala?… hum.. Isto sim é capaz de ter os seus impactos.

A plataforma flash vai ganhar muitos adeptos para desenvolver aplicações, ainda mais com o Flex, talvez o lider de mercado na construção de RIA’s, a poder correr em dispositivos moveis, e a mesmo ter uma framework (slider) para construir aplicações orientadas para mobile… Não falando o recem lançamento da CS5 que tras muitas novidades para o desenvolvimento na plataforma flash como o Flash Catalyst e o Flash Builder 4 bem como a sua total integração com as poderosas  ferramentas de desenho como o Ilustrador ou Photoshop.

Bom, para terminar, teve a apple uma má decisão? Sem duvida que sim! Mas dificilmente acho que irão manter esta posição quando ouver a explosão do flash pelo mercado mobile… talvez aí repensem a decisão… vamos a ver! Talvez para muitos já seja hora de seguir em frente!

Bom, é tudo, e mais uma vez relembro que é a minha opinião! Venham as vossas!!

Abraço!


7 comments

add yours
  • Erko Bridee April 30, 2010

    Cara excelente post :D

    digo que ao ler concordei contigo na tua forma de pensamento…

    só algo que eu incluiria: o real motivo da Apple é controlar o seu mundinho através de suas stores…

    todos sabemos do potencial da tecnologia Flash, e que com ela não seriamos limitados ao mundinho fechado das store da Apple, consequentemente a Apple perderia o controle de seu mundinho se libera-se o Flash no iPhone e iPad…

    eu tenho uma visão do assunto, que essa batalha anti-Flash a Apple já perdeu, e os resultados já começamos a ver, o Android começou a ganhar mercado, muito mais depois dessa guerra da Apple anti-Flash

    apesar de adminirar os produtos da Apple quanto a sua qualidade, design, mas essa atitude atual é ridícula e só está prejudicando a própria empresa…

  • Ved April 30, 2010

    Como um Apple Fan Boy, eu acredito que quem constrói uma casa, tem o direito de pinta-la da cor que quiser. Como desenvolvedor ávido por novidades, ter descoberto as maravilhosas ferramentas de desenvolvimento da Apple foi uma alegria grande, mesmo que para me tornar um profissional, eu precise (novamente) gastar meses de estudo.

    O que é claro como água é que o iPhone está longe de dominar o mercado de smart phones em nível mundial e a decisão da Adobe em se focar nos dispositivos com Android, apesar de parecer a única disponível, foi muito acertada.

    Em meus bons anos de desenvolvimento web, já tive a oportunidade de participar de um projeto no qual foram gastos milhões de R$ para posteriormente ter a idéia engavetada. Triste, mas é um fato que não pode ser negado. Maus gerentes causam mais danos do que tecnologias single plataform. Com isso, quero mostrar que o problema do investimento para manutenção e desenvolvimento de versões para mais de uma plataforma dificilmente será um problema, apesar do conceito multi plataforma ser desejável. A própria Apple, com sua linha Mac, só ganhou mercado após a decisão de mudar seus processadores para Intel, em detrimento dos Power PC de antigamente. Isso abriu um leque de mercado gigantesco para a empresa e muitos softwares anteriormente Windows-only passaram a ter versões para Mac.

    Finalizando, não me interessa onde está o mercado para meus skills. Continuarei sendo um Flex Developer mesmo que não possa desenvolver apps para iPhone usando meus arduamente conseguidos skills. Mas se a mina de ouro estiver em outra tecnologia, moverei minha bunda para aprendê-la e garantir meu sustento.

    Grande abraço, meu amigo.

    Ved

  • xpto April 30, 2010

    Permitam-me discordar, mas pouco me importa a questão comercial, e fanatismos à parte, a verdade é que o flash NÃO é a melhor opção tecnológica, especialmente em dispositivos móveis. Não é preciso ser um grande entendido na matéria para saber que o flash é lento, crasha frequentemente, consome mais bateria e de seguro tem muito pouco.
    Ora isto para mim já são razoes mais do que suficientes para encontrar uma solução alternativa. Pessoalmente, iria ficava lixado se o meu produto estivesse dependente de uma aplicação assim. E tenho a certeza que a Apple tentou contornar o problema, até que chegou à conclusão: “Não há volta a dar, é a porra do flash!” Portanto novelas à parte, técnicamente a Apple tem razão.

  • @xorna April 30, 2010

    Em muito concordo com você, e com os comentários. Mas parte dessa “limitação” quanto ao desenvolvimento com flash, significa uma migração de hardware, com A4 rodando no iPad, não é mto dificil a Apple fechar a arquitetura do iPhone (como ela gosta de fazer). Erro eu acho não dispor de flash para seu browser. HTML5 é legal e tudo mais, mas eles ignoram a palavra “legado”, e o legado do Flash é muito grande! Tenho um milestone, não me arrependo, já tive iPhone e sem dúvida algum, estou mais feliz com android. Não tenho nada contra e nada a favor do flash, pra mim não faz diferença, mas a atitude da Apple é condenável. Estou há + de 1 mês sem usar nada apple… e me parece que continuarei nessa se eles decidirem voltar a se fechar novamente.

  • Gilmar May 1, 2010

    Concordo com as opiniões do autor do post. Sou fã dos produtos Apple. Tenho Mac e iPhone mas semana que vem chega meu Nexus One. Quero full web no meu celular. E não se enganem quem acha que o Flash no iPhone iria drenar bateria, até parece que paginas web ricas com Html 5 não drenará tbm.

  • xpto May 1, 2010

    E nao é que a posição da microsoft é nada mais nada menos do que: “Html5 é o futuro”

    http://blogs.msdn.com/ie/archive/2010/04/29/html5-video.aspx

    Portanto os senhores da Apple não estão assim tão errados.

    E tudo o resto é mito

  • Mário Santos May 2, 2010

    Erko,

    Como voce disse e bem, um dos objetivos passa mesmo pelo controlo da plataforma, mas isso ja eles o faziam… no entanto tambem concordo que a posiçao deles é literalmente ridicula e baseada em fundamentos desatualizados.

    Ved,
    Claro que a aliança ao google foi estratégica, podiam te-lo feito com a plataforma symbian que até domina um mercado maior do que o android, mas a sua aliança ao google veio abanar o mercado, e principalmente trouxe ao cimo da agua que apoia e quem é contra a plataforma. O android vai mais cedo ou mais tarde se tornar lider de mercado e foi nisso que a adobe pensou.

    No entanto, quanto ao mercado de trabalho, desenvolver para iphone continuara a ser um bom negocio, tal como desenvolver para a plataforma flash ou html… mas a “obrigatoriedade” de utilizaçao da sua plataforma para o desenvolvimento e da forma como o aununcio foi feito é lamentavel, principalmente quando Steve Jobs responde a criticas lançadas por utilizadores e nao pela propria adobe que sempre se manteve “calada”. Ao contrario claro de alguns dos seus envangelistas que de forma indireta mostraram o seu descontentamento.

    xpto,
    Claramente voce toma uma posiçao anti-flash, nao so pela errada noçao da plataforma, que alem de ser muito mais segura que o html, javascript e demais, desconhece por completo a as ultimas versoes e principalmente a versao 10.1 que alem de ser optimizada para a plataforma mobile, introduz muitas novidades na area da optimizaçao. Os bugs e erros da plataforma, sao claramente do desenvolvedor porque como em tudo existem bons e maus desenvolvedores. Tive a oportunidade de testar o html5 canvas no meu nexus one, e ter uma animacao a correr em 2.5 fps é um desespero, principalmente quando na plataforma flash corre a +- 17 fps com os msmos gastos de memoria. Claro que o html5 esta no seu unicio, mas ainda precisa de muito trabalho para chegar perto do flash. A apple pode ter razao para ela propria, mas que milhares de desenvolvedores em todo o mundo e até utilizadores de mac e ixxx estao em acordo com a falta de elegancia da posiçao tomada pela apple.

    Quando voce fala da posicao da microsoft, é claro que ela se ressente da falta de sucesso da sua plataforma silverlight, e podera estar a acompanhar as tendencias, no entanto ela propria afirma trabalhar junto com a adobe para testar e reportar possiveis erros do flash na sua plataforma e nunca pensara em abolir o flash das suas plataformas.

    Nao condeno a sua posiçao, no entanto deveria ser mais bem fundamentada ja que esses argumentos sao simplesmente desatualizados e isso sim sao mitos!

    @xorna, Gilmar,
    A vossa posicao demonstra bem a situaçao e é muito igual a milhares de utilizadores espalhados por esse globo fora…

    Obrigado a todos pelos comentario, é otimo ouvir opinioes em portugues sobre o assunto.

    Abraço.

Leave a Comment

Post